GOL: Mulheres no Comando!

Raymonde de Laroche, em 1910, foi a primeira mulher no Mundo a receber a licença para pilotar um avião. Hoje, 100 anos após a baronesa, as mulheres ainda são minoria no comando das aeronaves mas o cenário está mudando e a GOL acompanha esta evolução!

Desde 2007  a GOL tem uma mulher no posto de comandante de aviões Boeing 737, a gaúcha Elisa Rossi e agora promoveu mais duas copilotos ao cargo de comandantes.

Gabriela Carneiro Duarte que está na empresa desde 2004 e Joana Moojen, copiloto há seis anos e a promessa da GOL é que mais duas mulheres integrem o quadro de comandantes da empresa.

“Quem deseja pilotar tem que estudar muito e com dedicação. O primeiro passo é realizar o curso de piloto privado em uma escola de aviação que seja homologada pela Agência Nacional de Aviação Cívil (Anac).Os próximos investimentos são na licença para tornar-se piloto comercial, além cursos específicos e horas voo, para o cumprimento da legislação”

Diz Gabriela em um conselho a todos os que sonham um dia se tornar pilotos.

“Nossa profissão exige treinamento constante e muita responsabilidade. Temos que ter a segurança em primeiro lugar sempre”

Completa Joana.

Pilotos no Brasil

Hoje, no cenário brasileiro temos um total de:

  • Pilotos Privados de Avião: 2778 pilotos, 70 destes são mulheres;
  • Pilotos Privados de Helicóptero: 277 pilotos, 8 destes são mulheres;
  • Pilotos Comerciais de Avião: 5778, 79 destes são mulheres;
  • Pilotos Comerciais de Helicóptero: 1145, 19 destes são mulheres;
  • Pilotos de Linha Aérea de Avião: 4703, 18 destes são mulheres;
  • Pilotos de Linha Aérea de Helicóptero: 665, 8 destes são mulheres;

E dentro destes números, a GOL tem 1.913 pessoas entre comandantes e copilotos, entre estes estão as três comandantes e mais 22 mulheres exercendo a função de copilotos.




Curta no Facebook:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *